Home Página Inicial > Notícias > BIBLIOTECA DA TRENSURB RECEBE OFICINA DE FANZINE

BIBLIOTECA DA TRENSURB RECEBE OFICINA DE FANZINE

30.09.2019

Projeto Estação Cultural traz atrações mensais gratuitas a espaços culturais do metrô.

Na tarde da última sexta-feira (27), a Unidade Mercado do Espaço Multicultural Livros sobre Trilhos (EMLsT), da Trensurb, recebeu uma oficina de fanzine ministrada pelo cartunista e ilustrador Jorge Luís Pereira, mais conhecido como Jorginho. O objetivo da oficina foi expor as possibilidades culturais de se fazer um fanzine, assim com a facilidade para sua confecção. A ideia também foi mostrar que se pode abordar todos os tipos de assuntos, além de possibilitar aos participantes a produção do seu primeiro fanzine.
 
Aberta ao público em geral, a ação foi parte do projeto Estação Cultural, que conta com atividades realizadas na última sexta-feira de cada mês, em uma das unidades do EMLsT, biblioteca que funciona nas estações Mercado e Novo Hamburgo. O projeto busca promover o acesso à cultura para os usuários do metrô e chamar a atenção para os serviços da biblioteca da Trensurb. A programação conta com apresentações musicais, de dança, teatrais, saraus, oficinas, entre outras manifestações artísticas e culturais.
 
Na abertura da oficina de sexta-feira, Jorginho explicou o que é o fanzine. Segundo ele, a sigla é uma junção das palavras ‘fã’ e ‘magazine’ (‘revista’ em inglês). Trata-se de uma publicação não profissional e não oficial, normalmente produzida por interessados em algum tipo de manifestação cultural. Conforme o oficineiro, há fanzines que falam sobre quadrinhos, poesia, educação, rock, entre outros. Jorginho falou ainda das influências do fanzine: “Lá pelos anos 60, começou a se reproduzir a influência da contracultura americana, sendo no começo o movimento hippie e, depois, aquele que foi o grande movimento do qual se veste até hoje a produção dos fanzines, o movimento punk”.
 
Estagiária da Ouvidoria da Trensurb, Lilian Alves foi uma das participantes da oficina. Para ela, foi uma oportunidade de entrar em contato com algo novo: “Eu achei bem bacana porque eu não tinha muita noção do que era o fanzine e, através do que o Jorginho falou, eu pude ter uma noção melhor”. Para Lilian, a oficina também foi um momento de exercer a criatividade: “Foi dinâmico e bem interativo e a gente pôde fazer nosso próprio fanzine. Ele também deu dicas e técnicas e foi um momento de deixar a imaginação fluir”.
 
Ministrante da oficina, Jorginho é ilustrador, cartunista, designer gráfico, oficineiro e acadêmico de pedagogia. Também é membro fundador da Associação Aprendendo a Ler com Prazer (ALP) e do ColetiveArts. Em 2015, foi patrono da Feira do Livro do bairro Niterói, em Canoas.
 
Foto: Wellington Marques/Trensurb

Compartilhe     

OUTRAS NOTÍCIAS
paginas_noticias_detalhes.php?amp%3BsitemapPage=4&codigo_sitemap=5420&sitemapPage=112345de 494paginas_noticias_detalhes.php?amp%3BsitemapPage=4&codigo_sitemap=5420&sitemapPage=3

Empresa de Trens Urbanos de Porto Alegre S.A. | Av. Ernesto Neugebauer 1985, - Humaitá - Porto Alegre - RS - Brasil - CEP 90250-140 | Fone: +55 51 3363 8000