Home Página Inicial > Notícias > PROJETO CULTURAL ARTE NOS TRILHOS CHEGA À ESTAÇÃO ESTEIO

PROJETO CULTURAL ARTE NOS TRILHOS CHEGA À ESTAÇÃO ESTEIO

28.11.2014

Grupo Buquezeiros Choro & Samba apresentou-se no local na tarde de hoje (28), homenageando o centenário de Lupicínio Rodrigues e Dorival Caymmi.

Após se apresentarem ao público na Estação Mercado e em Mathias Velho, o grupo Buquezeiros Choro & Samba rememorou os sucessos de Lupicínio Rodrigues e Dorival Caymmi na Estação Esteio da Trensurb. Os usuários que passaram pela estação a partir das 16h desta sexta-feira (28), puderam seguir seus caminhos – ou parar para apreciar o show – sob o som dos clássicos de dois dos mais renomados compositores da música brasileira, que completariam 100 anos em 2014. A iniciativa é uma realização da Trensurb com patrocínio da Caixa Econômica Federal.

O usuário do trem, Antônio Simões, de São Leopoldo, prestigiou a apresentação e diz ser fã de samba e choro. “Eu adoro clássicos da música brasileira. Inclusive, já vi o grupo na TV”, disse. Já o canoense Fernando Meireles destaca que dificilmente se vê ações culturais desse tipo em espaços públicos e elogiou a iniciativa: “Para mim essas músicas são uma referencia, que vão além da minha idade. É algo que admiro muito mesmo”.

Os Buquezeiros

“Gostamos de nos apresentar em espaços públicos de forma ‘inesperada’, como atualmente no projeto Arte nos Trilhos, pois temos a oportunidade de realizar uma intervenção urbana e levar essa arte até o cotidiano das pessoas”, afirma Darian Weber, fundador do grupo Buquezeiros Choro e Samba.

Criado em 2010, o grupo realiza apresentações em eventos públicos e particulares para que as pessoas possam apreciar a boa música. O repertório é composto por chorinhos, valsas, clássicos do samba e músicas tocadas no Brasil do final do século 19 até meados do século 20. Os Buquezeiros já se apresentaram no Arte nos Trilhos 2010, que homenageou Noel Rosa e Adoniran Barbosa. Encerraram, ainda, a edição 2011 do projeto – alusiva ao Ano Internacional dos Afrodescendentes –, com um show no Museu do Trem, em São Leopoldo.

O buquezeiro Carlos Pinheiro relata que já teve a chance de tocar na companhia de Lupicínio Rodrigues. Nas palavras dele, Lupicínio “sempre foi um cara muito legal, super educado, finíssimo no tratar”. Ele recorda que, na época, Lupicínio fazia rascunhos de músicas novas e cantava em rodas. “Era coisa rápida. Ele chegava, dizia: ‘estou compondo uma canção’. E cantava um pedacinho. Lupicínio era muito bom no que fazia”, diz.

O projeto Arte nos Trilhos

Com patrocínio da Caixa Econômica Federal, o Arte nos Trilhos leva cultura e entretenimento aos usuários da Trensurb anualmente desde 2008 – com edições, também, entre 2000 e 2003. Sempre em novembro e dezembro, diversos artistas apresentam-se nas estações, dando um toque diferenciado à rotina de final de ano no metrô gaúcho. Já participaram do projeto, nomes importantes da cultura gaúcha, como o cantor e compositor Bebeto Alves, o Grupo de Teatro Oigalê, a Orquestra de Flautas, Instituto Brasilidades, Gaspo "Harmônica", Família Sarará, Karine Cunha, Karen Volkmann & Federico Trindade, Urbanus In Natura, Marcus Bentto, Os Remanescentes, Instituto Brasilidades, Canta Brasil, Zamba Ben, Brilho da Lata, grupo Teatro Ideia Ação, Companhia Atmosfera, entre tantos outros.

Próximas apresentações do Arte nos Trilhos 2014

05/12, 16h – Estação Sapucaia
12/12, 16h – Estação São Leopoldo
19/12, 16h – Estação Novo Hamburgo

Foto: Marco Prass/Trensurb

Compartilhe     

OUTRAS NOTÍCIAS
12345de 489paginas_noticias_detalhes.php?codigo_sitemap=4238&sitemapPage=2

Empresa de Trens Urbanos de Porto Alegre S.A. | Av. Ernesto Neugebauer 1985, - Humaitá - Porto Alegre - RS - Brasil - CEP 90250-140 | Fone: +55 51 3363 8000