Home Página Inicial > Notícias > SUCESSOS DE LUPICÍNIO RODRIGUES E DORIVAL CAYMMI EMBALAM ESTAÇÃO SAPUCAIA EM MAIS UMA APRESENTAÇÃO DO ARTE NOS TRILHOS 2014

SUCESSOS DE LUPICÍNIO RODRIGUES E DORIVAL CAYMMI EMBALAM ESTAÇÃO SAPUCAIA EM MAIS UMA APRESENTAÇÃO DO ARTE NOS TRILHOS 2014

05.12.2014

Show do grupo Buquezeiros Choro & Samba ocorreu às 16h em ação do projeto cultural realizado pela Trensurb com patrocínio da Caixa.

Na tarde de hoje (5), a Estação Sapucaia da Trensurb recebeu o grupo Buquezeiros Choro & Samba para mais uma apresentação do Arte nos Trilhos 2014. Em sua 11ª edição, o projeto homenageia o centenário de Lupicínio Rodrigues e Dorival Caymmi. O Arte nos Trilhos 2014, que já levou a música de Lupicínio e Dorival às estações Mercado, Mathias Velho e Esteio, segue com shows sempre às sextas-feiras, às 16h, até 19 de dezembro, nas estações São Leopoldo e Novo Hamburgo.
O aposentado João Surtino foi convidado por seu irmão Dirceu para assistir o show dos buquezeiros na Estação Sapucaia. Os dois se deslocaram de Porto Alegre, município em que residem, especialmente para conferir a apresentação do grupo. Para João, a iniciativa da Trensurb de levar música às estações de trem é muito positiva no sentido de promover a cultura, "principalmente para as pessoas que moram na região metropolitana, já que a maioria das atividades culturais ocorrem na capital".

A usuária do trem Vera Vargas estava chegando à estação na companhia do neto quando ouviu a música tocada pelos Buquezeiros. Decidiu parar e assistir à apresentação. "Essa ideia é maravilhosa porque, às vezes, as pessoas não podem pagar a entrada de um show. Assim, vem aqui, dão uma descontraída e chegam em casa relaxadas", diz.

Tocando com o mestre

Assim como seu parceiro Carlos, do grupo Buquezeiros, Gilberto Fraga, de 74 anos, que toca cavaquinho e cuida dos arranjos, também teve a oportunidade de tocar ao lado de Lupicínio Rodrigues. Ele conta que seu interesse pela música surgiu aos 18 anos, apesar de que, em sua família, a proximidade com instrumentos musicais era consolidada a mais tempo. “Meu pai tocava bandolim”, alegra-se.
Morador de Novo Hamburgo desde pequeno, ele costumava deslocar-se à Porto Alegre para frequentar alguns clubes da região com seu compadre. “Toquei muito na capital naquela época”, recorda. Com o tempo, Fraga adquiriu o hábito de tocar guitarra, mas deixa claro que “sempre voltava para o cavaquinho”.

Numa das idas da região metropolitana à Porto Alegre, teve a oportunidade de tocar na companhia de Lupicínio Rodrigues. “Entramos no palco e tocamos juntos. Ele era uma doçura de pessoa, alguém encantador, doce para conversar com a gente”, conta. Gilberto afirma ainda que Lupicínio “não era cheio de grau, mas muito simples”.

Para Fraga, que já se apresentou em outras edições do projeto Arte nos Trilhos, a oportunidade é muito boa tanto para o grupo quanto para aqueles que podem contemplar as apresentações. “Apesar de os shows ocorrerem em horários de bastante movimento, a receptividade do público das estações é muito boa”, diz.

Os clássicos do choro e do samba

Criado em 2010, o grupo Buquezeiros Choro & Samba realiza diversas apresentações em eventos particulares, feiras de livros e também em praças e outros locais públicos para que as pessoas possam apreciar a boa música. O repertório é composto por chorinhos, valsas, clássicos do samba e músicas tocadas no Brasil do final do século 19 até meados do século 20. Os Buquezeiros já se apresentaram no Arte nos Trilhos 2010, que homenageou Noel Rosa e Adoniran Barbosa. Encerraram, ainda, a edição 2011 do projeto – alusiva ao Ano Internacional dos Afrodescendentes –, com um show no Museu do Trem, em São Leopoldo.

Levando cultura à população

Com patrocínio da Caixa Econômica Federal, o Arte nos Trilhos leva cultura e entretenimento aos usuários da Trensurb anualmente desde 2008 – com edições, também, entre 2000 e 2003. Sempre em novembro e dezembro, diversos artistas apresentam-se nas estações, dando um toque diferenciado à rotina de final de ano no metrô gaúcho. Já participaram do projeto, nomes importantes da cultura gaúcha, como o cantor e compositor Bebeto Alves, o Grupo de Teatro Oigalê, a Orquestra de Flautas, Instituto Brasilidades, Gaspo "Harmônica", Família Sarará, Karine Cunha, Karen Volkmann & Federico Trindade, Urbanus In Natura, Marcus Bentto, Os Remanescentes, Instituto Brasilidades, Canta Brasil, Zamba Ben, Brilho da Lata, grupo Teatro Ideia Ação, Companhia Atmosfera, entre tantos outros.

Próximas apresentações do Arte nos Trilhos 2014

12/12, 16h – Estação São Leopoldo
19/12, 16h – Estação Novo Hamburgo

Foto: Marco Prass/Trensurb

Compartilhe     

OUTRAS NOTÍCIAS
12345de 489paginas_noticias_detalhes.php?codigo_sitemap=4246&sitemapPage=2

Empresa de Trens Urbanos de Porto Alegre S.A. | Av. Ernesto Neugebauer 1985, - Humaitá - Porto Alegre - RS - Brasil - CEP 90250-140 | Fone: +55 51 3363 8000