Home Página Inicial > Notícias > NOVA FASE DE CAMPANHA DA TRENSURB FOCA NO USO DE MÁSCARAS

NOVA FASE DE CAMPANHA DA TRENSURB FOCA NO USO DE MÁSCARAS

29.04.2020

Peças de comunicação recomendando o uso do equipamento de proteção serão veiculadas por meio de avisos sonoros, monitores e redes sociais. Demanda no metrô segue próxima dos 50 mil passageiros.

A Trensurb está lançando uma nova fase de sua campanha de comunicação que busca contribuir na prevenção da propagação da Covid-19. “Nós recomendamos que todos usem máscaras, esse é o foco”, afirma o diretor-presidente da empresa metroviária, Pedro Bisch Neto. O uso de máscaras caseiras em locais públicos é recomendado pelo Ministério da Saúde e tem sido adotado como medida preventiva à transmissão do novo coronavírus em várias partes do mundo, tendo como base estudos diversos sobre as formas de contágio da Covid e outras doenças respiratórias. Vale lembrar, no entanto, que apesar do uso de máscaras contribuir, não garante que o contágio será evitado. Por isso, é importante seguir evitando sair de casa e, quando for necessário circular por outros locais, continuar adotando outras medidas de prevenção e higiene.
 
Diversos municípios, inclusive alguns atendidos pela linha do metrô, têm adotado a obrigatoriedade do uso de máscaras para uso do transporte coletivo municipal. Isso, no entanto, não se aplica ao serviço metropolitano ofertado pela Trensurb. “O nosso papel tem que ser essencialmente de educadores”, afirma o diretor-presidente da Trensurb, reforçando que o objetivo da campanha é conscientizar os usuários para que tenham atitudes que contribuam com a segurança e a saúde de todos.
 
As novas peças da campanha serão veiculadas por meio de avisos sonoros no metrô, na programação do Canal Você – que conta com monitores nos trens e estações – e nos perfis da Trensurb nas redes sociais.
 
49,2 mil passageiros na terça-feira (28)
 
Na terça-feira (28), a Trensurb transportou 49.183 passageiros, o que representa uma redução de 68,8% em relação à média de usuários transportados por dia útil na primeira quinzena de março (157.636). O número, no entanto, sinaliza a retomada gradual da demanda do metrô. A Trensurb chegou a transportar 27.489 passageiros em 26 de março – correspondendo a uma queda de 82,6% em relação à média da primeira quinzena de março.
 
Com o crescimento no número de passageiros, buscando reduzir as aglomerações no metrô, a empresa adotou, desde o início da semana, novos parâmetros para a circulação dos trens, com intervalos menores e mais viagens com composições de oito carros (ao invés dos quatro usuais). Isso permitiu um aumento de 53,1% na capacidade de transporte diário da Trensurb.
 
Outras medidas de prevenção à propagação do coronavírus adotadas pela Trensurb incluem a intensificação da limpeza e desinfecção de trens e estações, antecipação do horário de fechamento do sistema das 23h20 para as 22h e redução do horário de funcionamento das bilheterias de dez das estações menos movimentadas.

Compartilhe     

OUTRAS NOTÍCIAS
paginas_noticias_detalhes.php?codigo_sitemap_pai=96&codigo_sitemap=5557&sitemapPage=212345de 509paginas_noticias_detalhes.php?codigo_sitemap_pai=96&codigo_sitemap=5557&sitemapPage=4

Empresa de Trens Urbanos de Porto Alegre S.A. | Av. Ernesto Neugebauer 1985, - Humaitá - Porto Alegre - RS - Brasil - CEP 90250-140 | Fone: +55 51 3363 8000